Perdas no Sistema Elétrico de Potência

  • 0

Perdas no Sistema Elétrico de Potência

O SEP – Sistema Elétrico de Potência é composto por geração, transmissão e distribuição. As Perdas no Sistema Elétrico de Potência referem-se à energia elétrica gerada que passa pelas linhas de transmissão e redes de distribuição, mas que não chega a ser comercializada, seja por motivos técnicos ou comerciais.

 

Sistema Elétrico de Potência – SEP

O transporte da energia, seja na transmissão ou na distribuição, resulta inevitavelmente em perdas técnicas relacionadas à transformação de energia elétrica em energia térmica nos condutores (efeito joule), perdas nos núcleos dos transformadores, perdas dielétricas, etc.

As perdas não técnicas ou comerciais decorrem principalmente de furto (ligação clandestina, desvio direto da rede) ou fraude de energia (adulterações na medição), popularmente conhecidos como “gatos”, erros de medição e de faturamento.

As Perdas no Sistema Elétrico de Potência são controladas através da automação do sistema elétrico e controle do fator de potência(FP), de acordo com Portaria da ANEEL, que estabelece FP = 0.92. Esse controle perante os grandes consumidores é feito com muita seriedade e quem fugir do limite de 0.92 arcará com multa pesada.

Outra forma de controlar as perdas é utilizando o horário de ponta e intermediário com tarifas diferenciadas. Muitos clientes optaram por utilizar o Grupo Gerador que ficava inoperante nesses horários, colocando-o para operar, a fim de reduzir o consumo de energia elétrica  nesses horários. O montante que se gasta com diesel é muito menor que com tarifa de energia elétrica e multas.

Horário de Ponta

Este horário é composto por um período de três horas consecutivas que é adotado entre as 17:00 hs e 22:00 hs, incluindo feriados, com exceção aos sábados e domingos.
Esses horário pode variar de concessionária para concessionária, de acordo com a região em que está estabelecida.

Horário Intermediário

É o período compreendido por uma hora antes e uma hora depois do horário de ponta.

Horário Fora de Ponta

São as 19 horas restantes do dia.

Está entrando em vigor a tarifa branca para clientes residenciais, que é o incentivo para a não utilização de equipamentos de alta potência, como chuveiro, torneira elétrica e ferro de passar, dentro do horário de ponta e intermediário.

A tarifa branca é uma nova opção de tarifa que sinaliza aos consumidores a variação do valor da energia conforme o dia e o horário do consumo. Ela será oferecida para as unidades consumidoras que são atendidas em baixa tensão (127, 220, 380 ou 440 volts, denominadas de grupo B) e para aquelas pertencentes ao grupo A optantes da tarifa de baixa tensão.  A medida foi aprovada em reunião pública da Diretoria da ANEEL.

Os projetos de transformadores do sistema estrela, por obrigatoriedade da ANEEL, também contribui para a diminuição de perdas por ser um sistema mais balanceado e confiável que o sistema delta. A meta é eliminar, com o transcorrer do tempo, o sistema delta da distribuição.

Inspeções com termovisão para verificar e posteriormente eliminar pontos quentes – fuga de corrente – que ocorre em conexões,  equipamentos ou isoladores comprometidos são práticas constantes, bem como o balanceamento de cargas entre fases primárias.

A construção de novas ETD’s e projetos de novos circuitos, incluindo a mudança da classe de tensão da distribuição de 5 kv para 15 kv ou 25 kv, de acordo com a região, são fatores primordiais para redução de perdas no Sistema Elétrico de Potência, pois quanto maior for a tensão menor será a corrente e, consequentemente, menores as perdas.

A mudança para rede primária compacta – space cable – também é um fator determinante para redução de perdas.

O Departamento de Engenharia da Distribuição analisa e controla todos os circuitos primários, e quando necessário intercede para sua melhoria.

Perdas Técnicas

Perdas técnicas na Distribuição

O sistema de distribuição é dividido de acordo com os segmentos de rede (alta, média e baixa tensão), transformadores, ramais de ligação e medidores. Aplicam-se então modelos específicos para cada um desses segmentos, utilizando-se informações simplificadas das redes e equipamentos existentes, como por exemplo, comprimento e bitola dos condutores, potência dos transformadores e energia fornecida às unidades consumidoras. Com base nessas informações, estima-se o percentual de perdas técnicas eficientes relativas à energia injetada na rede.

Perdas não técnicas

As perdas não técnicas são apuradas pela diferença entre as perdas totais e as perdas técnicas.Os valores regulatórios das perdas não técnicas são calculados pela ANEEL por uma metodologia de comparação de desempenho das distribuidoras, observando critérios de eficiência e as características socioeconômicas das áreas de concessão.

Fontes: ANEEL – Agencia Nacional de Energia Elétrica

AES Eletropaulo

CURTA Adolpho Eletricista

Adolpho Eletricista – Seu Eletricista 24 horas em Santo André!

Eletricista residencial, predial, comercial e industrial.

Atendo região do ABC paulista, Grande São Paulo e Zona Leste do Estado de São Paulo.

11 96898.4344


About Author

Adolpho Eletricista

Proprietário da Empresa Adolpho Eletricista. Técnico Eletrotécnico e Eletrônico habilitado. Eletricista residencial, predial, comercial e industrial autônomo com 40 anos de experiência. Atuação na região do Grande ABC e Grande São Paulo. Instrutor de NR-10. Atendimento Personalizado. Garantia de bons serviços. Redator de artigos técnicos profissionalizantes.

Leave a Reply

Artigos

 

  • 1Visitantes online:
  • 32Visitas hoje:
  • 148Visitas ontem:
  • 4079Visitas no mês:
  • 275253Total de visitas:

Significado das Siglas

Desenvolvido por : TyttoSoft (11) 9466-02599